resenha de amor plus size

Maitê sempre quis passar de forma invisível pela escola, com apenas duas melhores amigas que são do segundo ano, ela sofre o bullying por seu peso e nutre uma paixão secreta pelo Alexandre, o cara mais popular da escola. Mas não é somente dentro dos muros do colégio que ela sofre por causa dos números na balança, sua mãe está sempre pegando no seu pé e correndo atrás de um médico para que ela consiga emagrecer. O ponto alto do seu dia é passar as tardes com Isaac, seu melhor amigo que mora no apartamento debaixo do seu. 

Amor Plus Size, de Larissa Siriani
Título: Amor Plus Size
Autor: Larissa Siriani
Editora: Verus
Páginas: 280
Ano: 2016
Nota4/5
SKOOB | AMAZON
(Disponível no Kindle Unlimited!)



Amor Plus Size é escrito de uma forma muito fluída, daquele tipo que você engata logo nas primeiras páginas e consegue esquecer do mundo, porque tudo que passa pela sua cabeça é aquele universo do qual você está lendo. Não foi a toa que eu sofri bastante junto com a Mai.

Maitê é uma adolescente que pesa mais de cem quilos e tem tantas inseguranças que é incapaz de enxergar qualquer coisa boa em seu exterior. Isso molda todas as suas experiências de vida e, sinceramente, eu ficava com o coração apertado de ler. É difícil você ver como é tão comum as pessoas odiarem seus próprios corpos e como podemos ser cruéis com nós mesmos ao fazermos isso. Dava vontade de entrar no livro, abraçar a Mai e fazê-la mudar de ideia. Mas também me fez refletir sobre mim mesma...

Desde sempre eu tive eu tive por base aquilo que aparentemente todo mundo enxergava de mim: Maitê, a gorducha, a caladona, a desajeitada, a mal-arrumada, a garota que deixa a mãe comprar as próprias roupas, que tem belos olhos perdidos em uma cara torta. Eu estava tão acostumada a todo mundo botando defeito em mim que aquilo tinha se tornado natural, parte de quem eu era.

Porém, a experiência da história não fica presa somente em torno disso, muito pelo contrário. Amor Plus Size foi uma história que abriu a porta de lembranças deliciosas: o ensino médio, meu grupinho de amigas, os dramas escolares de provas e ENEM, as festinhas, o grupo popular que eu nunca fiz parte, o desejo de passar como invisível, o crush impossível, a primeira paixão... Enfim, é uma história adolescente normal, que faz a gente rir, ficar com raiva dos personagens, mas especialmente entendê-los. Era como se eu fosse adolescente e estivesse no Ensino Médio de novo, só que através da Maitê.

A história vai se desenrolando em vários temas diferentes: a paixão da Maitê pelo Alexandre e de repente a chance de se aproximar dele; a dificuldade dela em lidar com seu corpo e uma surpresa que aparece no meio do caminho e muda tudo; os dramas das amizades; os dramas relacionados ao futuro, a profissão que ela vai querer seguir, o que vai estudar na faculdade... Enfim, é muita coisa.

Amor Plus Size, de Larissa Siriani


O enredo não é fixo em algo só - não se trata apenas da paixonite da Mai; não se trata apenas da questão dela com seu corpo; não se trata apenas de uma coisa só. É como a vida de uma pessoa real que vai sendo construída de retalhos de experiências diversas. E por isso achei tão gostoso de ler, pois era como se eu estivesse acompanhando alguém que amo muito e vendo-a descobrir coisas novas, lidar com seus conflitos, viver...

Mas algo que achei muito interessante foi como a Larissa Siriani foi amarrando tudo isso em conjunto e tratando de temas sérios em meio a temas leves da adolescência, compondo uma escrita divertida e gostosa, mas também cheia de empatia e alertas.



Amor Plus Size é um livro excelente. Bem construído, com ótimos personagens, surpresas e clichês ao longo da história, muitos momentos de deixar o coração quentinho, outros de parti-lo. Quem curte romance adolescente e gosta de histórias que trata - de forma honesta e responsável - sobre temas sérios, vale a pena demais!

Ficou com vontade de ler? Compre Amor Plus Size e conheça outros livros da autora:

4 Comentários

  1. Sabe que eu não li esse ainda?
    Só li o Amante da Princesa, que é ótimo, diga-se de passagem
    Já fiquei com vontade de conhecer a Maitê!

    Beijocas da Pâm
    Blog Interrupted Dreamer

    ResponderExcluir
  2. Aléxia que resenha ótima! Gostei demais da temática do livro e saber um pouquinho mais sobre o enredo. Essa edição está impecável.
    Beijocas.

    https://www.parafraseandocomvanessa.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Oi, Aléxia

    Eu gosto muito de acompanhar as postagens da autora nas redes sociais. Adoro a maneira como ela se empodera, como mostra a beleza que eu existe em todos os corpos.
    Tenho certeza que é um livro muito delicinha e creio que eu sentiria muito esse sentimento de nostalgia sobre a adolescência, ensino médio e afins.

    Beijos
    - Tami
    https://www.meuepilogo.com

    ResponderExcluir
  4. Oi Alexia
    Sabe, eu tive a mesma sensação que vc com a leitura desse livro. Além de achar bem gostosinho e fluido, também me lembrei das amizades da escola. A leitura me fez viajar de volta a um passado gostoso e doloroso também. Eu também sofri bullying na escola por causa do meu peso, e não foi fácil, acho que por isso eu tive empatia logo de cara. Essa é sem dúvida uma ótima leitura até pra presentear um adolescente. Amei a resenha. Bjs

    ResponderExcluir